quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

5 Metas para 2016



Bora traçar uns planinhos e tentar converter ideias em ações?

1. Ter mais calma

Ansiedade é um negócio escroto que pode te paralisar por completo, além de causar mal estar físico. Estou arrumando um esquema maneiro aqui para acabar com essa palhaçada. Se as coisas derem certo, vou dividindo com vocês. ;)

2. Fotografar mais



Acho que vai ser fácil, visto que essa tem sido uma atividade que já venho praticando porque me relaxa. A ideia não é me profissionalizar, investir em equipamento, nada disso. Também não é para fotografar todo e qualquer programa ou saída que eu faça. Quero apenas olhar para as coisas com um pouquinho mais de atenção e explorando novos ângulos e possibilidades. Ou simplesmente registrar coisas bonitas. :)

3. Voltar a ler poesia



2015 foi um ano em que li bastante, e li livros grandes, mas em que quase não li poesia. Só que eu amo poesia, então não sei bem o que aconteceu. Vamos mudar isso!

4. Ler mais livros em inglês (e em espanhol)


Meu contato com outras línguas (as únicas que consigo ler além do português, ou seja, inglês e espanhol) está diminuindo a cada ano. Li pouquíssima coisa em outros idiomas, e a maioria do que li foram artigos em jornais e periódicos culturais. O plano é ler ebooks no kindle, porque são fáceis de achar — o que dificulta minhas desculpas autossabotantes.

5. Fazer algum curso


Eu disse aqui nesse blog, no início de 2015, que ia fazer algum curso. Você fez? Acontece que agora isso está me fazendo falta. Já comentei aqui também que meu trabalho me dá tranquilidade e banca minhas estripulias, mas que não é exatamente uma realização pessoal. Então, esses projetos pessoais não-remunerados são muito importantes para mim, na medida em que me alimentam espiritualmente e dão sentido a minha existência.

Quanto às metas que eu havia me proposto em 2015:

- Continuar no Pilates; 

Parei porque o estúdio fechou e deixei a preguiça dominar. Sem-vergonhice. Eu deveria estar me mexendo para retomar ou iniciar outra coisa, né, mas nem.

- Continuar o #ReadMoreShakespeare; 

Done.

- Continuar alimentando o canal do YT, quando sentir vontade e sem pressão; 

Done.

- Continuar o projeto de ler mais romances escritos por mulheres; 

Por causa do #readmoreshakespeare, leio muito mais livros escritos por homens. Só peças do bardo, foram 12 em 2015. Excetuando-as, a diferença foi pequena: 25 mulheres para 35 homens. Considero sucesso. 

- Fazer algum curso; 

(Olha pro lado e assovia...)

- Aproveitar muito o sonho lindo que realizarei ano que vem e que, por ora, estou guardando como um tesourinho precioso. 

Era a viagem para Roma e Florença, que foi perfeita e mais um pouco. Falei disso aqui, aqui e aqui.
Se tudo der certo, revejo o velho continente em alguns meses.

E vocês? Cumpriram as metas de vocês? Criaram resoluções para esse novo ano? Contem-me!

4 comentários:

  1. Caramba, Aline!!! Usando esse post (que me fez pensar um pouco sobre metas...) pra dizer que eu nunca tinha me atentado ao fato de que tu tinha um blog. Via teus vídeos no yt, acompanhava teus snaps, mas foi lendo um post sobre Bowie num blog de uma amiga que eu vi uma foto conhecida entre os seguidores dela. Hahaha, acho que isso não tem nada de anormal, mas eu achei um tanto curioso. Enfim, muito bom ter entrado por aqui e digo com certeza de que eu achei o que eu tava procurando na internet. Beijão! E boa sorte com as metas! <3

    ResponderExcluir
  2. Oie! Feliz 2016 (ainda dá tempo, ainda é janeiro né ?)
    Muito legais suas metas, e compartilho com você de algumas sem vergonhices e autosabotagens, mas acho que no geral, tu tá muuuito bem.

    Isso das fotos dá pra notar, já gostei muito das que ilustram este post - principalmente a do item que fala sobre fotografia, com a câmera rosa.

    Beijos <3

    ResponderExcluir
  3. Olá Aline, faz alguns anos (desde 2009) que acompanho suas postagens mas esse é o meu primeiro comentário. Divirto-me e encontro-me em suas palavras. Parabéns pelo "trabalho" desenvolvido. Longa vida! :)

    ResponderExcluir